• Publicidade

Desnutrição: Quais são as causas, os sintomas e os tratamentos

A desnutrição é um estado que ocorre quando a alimentação é carente dos nutrientes considerados vitais para a nossa saúde. Essa carência de nutrientes anda na contramão das demandas do corpo, tendo efeitos negativos no crescimento, no humor, no comportamento e em outras funções do organismo. A desnutrição é mais incidente nas crianças e nos idosos.

A maioria das pessoas relaciona a desnutrição apenas com os indivíduos que são muito magros. Embora essa ligação faça muito sentido e não deixa de ser uma realidade, a desnutrição também implica condições onde a alimentação não contém o equilíbrio correto dos nutrientes.

Isso significa que uma dieta rica em calorias mas deficiente em vitaminas e minerais também pode levar à desnutrição. Os indivíduos com esses hábitos alimentares podem ser obesos, mas mesmo assim serão considerados desnutridos. Portanto, a desnutrição nem sempre significa “magreza”, e sim deficiência de nutrientes.

Causas da desnutrição

Desnutrição

 

Como você já viu a desnutrição é causada pela falta de nutrientes em sua alimentação. Isso é devido a uma dieta inadequada ou a problemas de absorção dos nutrientes. No entanto, há algumas condições médicas que também podem levar à desnutrição, são elas:

  • Condições que causam a falta do apetite (câncer, doenças hepáticas, dores crônicas e fortes, etc);
  • Condições de saúde mental (depressão ou esquizofrenia, que de certa forma afetam a capacidade de cuidar de si mesmo);
  • Condições de saúde que necessitam frequentes internações hospitalares;
  • Condições de saúde que perturbam a capacidade do organismo em absorver os nutrientes (doença de Cr
  • ohn ou colite ulcerativa);
  • Disfagia (uma condição que torna a deglutição difícil e dolorosa);
  • Vômitos e diarreias persistentes;
  • Anorexia ou outros transtornos alimentares.

Além disso, alguns tipos de medicamentos podem aumentar o risco da desnutrição. Há inúmeros medicamentos que são conhecidos por perturbar a capacidade do organismo em absorver os nutrientes.

Sintomas da desnutrição

O sintoma mais comum da desnutrição é a perda de peso não planejada e inexplicada.

Adultos

Se você perder entre 5 a 10% do seu peso corporal dentro de 3 a 6 meses sendo que você não está tentando perder peso, isso pode ser um sinal de desnutrição. Porém, há outros sinais e sintomas que podem estar relacionados ao problema, que incluem:

  • Infecções frequentes;
  • Tempo excessivo para se recuperar das infecções;
  • Cicatrização prolongada;
  • Fadiga constante;
  • Falta de energia;
  • Dificuldade parar se concentrar;
  • Depressão.

Crianças

Os sintomas da desnutrição em crianças podem incluir:

  • Crescimento considerado abaixo da média, tanto no peso quanto na altura;
  • Mudanças no comportamento (irritabilidade, ansiedade ou lentidão);
  • Alterações na cor do cabelo e da pele.

Diagnóstico para a desnutrição

Vários fatores são analisados a fim de verificar se alguém está desnutrido ou não. O diagnóstico é feito clinicamente através do exame do paciente. O índice de massa corporal (IMC) é uma ferramenta comumente utilizada para diagnosticar a desnutrição.

Se você apresentar o IMC inferior a 18,5 consulte um médico, porque talvez você possa estar desnutrido. As crianças com um retardo do crescimento também precisam ser avaliadas para detectar possíveis sinais de desnutrição. Outros testes incluindo os exames de sangue também podem ser utilizados para o diagnóstico.

Tratamento da desnutrição

Se você está desnutrido e pode se alimentar normalmente, o tratamento da desnutrição será basicamente uma dieta rica em nutrientes que estão lhe faltando.

A alimentação deve ser balanceada, que permita englobar as vitaminas e os minerais. Mas lembre-se, isso não vale apenas para os “raquíticos”, mas também para os que estão com sobrepeso devido a uma alimentação pobre em nutrientes e rica em calorias.

Já para aqueles que não podem se alimentar normalmente, um tubo de alimentação pode ser utilizado para levar os nutrientes diretamente ao sistema digestivo. Caso o sistema digestivo não esteja funcionando como deveria, os nutrientes podem ser injetados diretamente nos vasos sanguíneos.

Agora que você já viu as causas, os sintomas e os tratamentos para a desnutrição, fica mais fácil prevenir esse problema. Não é nada difícil, apenas tenha uma alimentação saudável e balanceada.

O artigo foi útil para você? Comente, curta ou compartilhe.

Leia também:
Saiba como desenvolver hábitos para ter uma alimentação consciente e evitar a autoagressão alimentar
10 dicas para você se alimentar bem e não apenas devorar a comida
Desnutrição infantil: Quais são as causas e as consequências
Alimentos funcionais, o que são eles e quais benefícios eles proporcionam?

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

  • Publicidade